Metrôs no Brasil: Recife

A cidade

Recife é uma cidade localizada no estado de Pernambuco, sendo também capital do mesmo, e se encontra ao noroeste da República Federativa de Brasil. É considerada a Veneza Brasileira. Junto com os subúrbios, forma a quarta maior população do Brasil, sendo superada apenas por de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.


Possui mais de quatro milhões de habitantes, sendo a mais povoada da região Nordeste do Brasil. Sua economia se destaca por ser extremamente forte, ao albergar diferentes empresas do ramo petroleiro, assim como instituições federais que cobrem o Nordeste e diferentes consulados de países de vários continentes.

A cidade também é conhecida por sua rica história, tendo sido a capital da tentativa colonial neerlandesa no Brasil por 24 anos, entre 1630 e 1654. Toda a evolução histórica é contada em lugares como o centro histórico da cidade. Os turistas frequentam esta cidade pelos diferentes atrativos que possui, além do fato de poderem participar de importantes eventos como o Carnaval de Recife e Olinda.

Transporte

O Metrô de Recife é um meio de transporte urbano que conecta diferentes pontos da cidade. Apesar das três linhas que o metrô subterrâneo possui, existem também duas linhas que funcionam pelo metrô superficial. No total, o metrô tem 29 estações ao longo dos 71km que possui. Se unicamente considerarmos a extensão do metrô subterrâneo, esta será de 39.5km.

Estacao Afogados Estacao Afogados

O metrô possui um variado parque automotor, composto por diferentes fabricantes. O primeiro foi resultado de um consórcio entre a fabricante brasileira Santa Matilde e a alemã Man AG, correspondendo ao modelo 800, que ainda se mantem em grande parte. Os outros trens que fazem parte do sistema operário do metrô são dos anos de 2012 e 2013. Existem os tipos, os da empresa espanhola CAF com seu modelo 7500 e os do consórcio entre a brasileira Bom Sinal e a alemã Voith com o modelo Mobile 3.


O número de passageiros que viaja diariamente é de aproximadamente 600 mil. A empresa operadora do Metrô de Recife é a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), dependente do Ministério das Cidades do Governo Federal.

  • Conhecido como: Metro de Recife ou Metrorec
  • Extensão: 71km no total, 39.5km de metrô subterrâneo
  • Largura da via: 1.600 mm na la Linha Centro, 1.000 mm nos VLT
  • Número de linha: 5 no total, 3 de metrô subterrâneo
  • Número de estações: 29
  • Velocidade máxima: 80 km/h
  • Site web: portal.metrorec.com.br
  • Operador: Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU)
  • Passageiros diários: 600 mil
  • Fundação: 22 de fevereiro de 1984. 11 de março de 1985 as operações tiveram início.

Breve história

Como em qualquer cidade com estas dimensões, Recife teve a necessidade de desenvolver um sistema de transporte massivo subterrâneo que conectasse diferentes pontos da cidade. Assim como outras cidades brasileiras, na década de 1980 iniciou a projetar o Metrô de Recife. O governo federal brasileiro criou no mês de setembro de 1982 o consórcio Metrorec, que deu início à construção do metrô em janeiro de 1983. A Companhia Brasileira de Trens Urbanos passou a substituir às instituições que formavam o Metrorec e se constituiu no dia 22 de fevereiro de 1984 numa sociedade mista com o intuito de modernizar, expandir e implantar vários sistemas de transporte férreo de passageiros no Brasil. O Metrô de Recife começou a funcionar como um sistema de transporte de passageiros no dia 11 de março de 1985.

recife Metro recife Metro

Dessa data em diante, o metrô começou a ser expandido, em grande parte pela agregação de outros meios de transporte como os trens que vão aos subúrbios e que pertenciam a RFFSA. Uma das maiores expansões do Metrô de Recife começou em 1998, eletrificando a Linha Sul e estendendo a Linha Centro. Além disso, em 2013 a Linha Diesel converteu-se ao sistema de metrô superficial VLT, e também inaugurou-se outra estação da Linha Centro.

Linhas e estações

O Metrô de Recife conta com cinco linhas, das quais três pertencem propriamente ao sistema subterrâneo e duas fazem parte do metrô superficial, ou ligeiro, também conhecido como VLT (Veículo Leve sobre Trilhos). No total, existem 29 estações que têm diferentes particularidades. As linhas do Metrorec não se agrupam por uma classificação numérica, mas assim de acordo com o trajeto que percorre na cidade. Estas linhas são:

Linha Centro 1

É um dos ramais que compõe a Linha Centro, trâmite original Metrô de Recife. Assim como as outras linhas, parte da estação Recife, próxima a conta, na região Norte da cidade. Possui 15 estações que percorrem 18.3km. É composta pelas estações de Recife, Joana Bezerra, Afogados, Ipiranga, Mangueira, Santa Luzia, Werneck, Barro, Tejipió e Coqueiral, onde começa a bifurcação em direção ao norte, própria da Linha Centro 1, que segue pelo Alto do Céu, Curado, Rodoviária, Cosme e Damião e por fim chega a Camaragibe. O percurso total desse trâmite é feito em 28 minutos. A inauguração dessa linha aconteceu com apenas seu trajeto inicial em 1985; seu trajeto particular foi inaugurado até Rodoviária no dia 24 de setembro de 1986 e até Camaragibe em 26 de dezembro de 2002. Esta Linha pode ser identificada pela cor laranja.

Linha Centro 2

Trata-se da outra bifurcação da Linha Centro. Compartilha de todo o trajeto da Linha Centro 1 até Coqueiral. Em total, a linha tem 14 estações num percurso de 16km. Para percorrer toda a linha leva em torno de 26 minutos. A bifurcação inicia em Coqueiral, e se dirige em direção ao sudoeste, e é composta pelas estações de Cavaleiro, Floriano, Engenho Velho e Jaboatão. Seu trajeto inicial compartilhado foi inaugurado em 1985, mas a extensão de 6.9km que ligaria de Coqueiral até Jaboatão começou a funcionar no dia 29 de agosto de 1987. Sua cor é vermelha.

Linha Sul

Conhecida por seu próprio nome, cobre uma distância de 14.3km, tendo 12 estações que podem ser percorridas de ponta a ponta em 22 minutos. Em seu percurso inicial, começa nas estações de Recife e Joana Bezerra como as outras duas linhas, e segue caminho na direção sul com as estações Largo de Paz, Imbiribeira, Antônio Falcão, Shopping, Tancredo Neves, Aeroporto, Porta Larga, Monte dos Guararapes, Prazeres e Cajueiro Seco. Esta linha foi inaugurada dia 28 de fevereiro de 2005 com um trajeto entre Recife e Imbiribeira. Posteriormente, no dia 28 de março de 2009 foi ampliada até Shopping, e no dia 1º de fevereiro de 2010 chegou até Tancredo Neves. A última expansão foi realizada dia 29 de agosto de 2010, subindo até a estação terminal de Cajueiro Seco. A cor desta linha é azul escuro.

Linha Cajueiro Seco-Cabo (VLT)

É umas das duas linhas que fazem parte do metrô superficial ou ligeiro, e que são administradas pelo Metrô de Recife. Já existia na década de 1980, mas começou a ser administrada pelo Metrorec em 1988, que lhe deu o percurso do qual hoje dispõe, e desviou-a até Cajueiro Seco, que seria posteriormente conectada com a ainda não inaugurada Linha Sul. Este trâmite passou por uma importante transformação no ano de 2010, quando foi reconvertido a sistema VLT. A linha é composta por seis estações com um percurso de 15.53km que pode ser feito em 42 minutos. As estações são Cajueiro Seco, Ângelo de Souza, Pontezinha, Ponte dos Carvalhos, Santo Inácio e Cabo. A cor pela qual se identifica esta linha é verde.

Linha Curado–Cajueiro Seco (VLT)

É a segunda linha do VLT. Originalmente unia as cidades de Recife e Maceió. Agregou-se à Metrorec em 1988 e foi desviada à estação Curado, que chegaria à Linha Sul. Faz um percurso de 18.37km ao longo de suas quatros estações, que podem ser percorridas em aproximadamente 31 minutos. Esta linha se dirige em direção ao norte da cidade pela parte externa do conjunto urbano. As estações que a compõe são Curado, Jorge Lins, Marcos Freire e Cajueiro Seco. A cor pela qual se diferencia é cinza.

Recife Metro Station Recife Metro Station

Conexões com outros sistemas de transporte

Uma cidade com a magnitude de Recife precisa de variados sistemas de transporte para conectar todos os cantos da cidade. É por isso que o Metrô de Recife tem conexão com um vasto sistema de ônibus, administrado por pelo menos 18 empresas diferentes. No total, todas controlam aproximadamente 4.800 ônibus circulando pela cidade e são geridas por um órgão público chamado Grande Recife Consórcio de Transporte. Algumas das estações que possuem terminais de ônibus são: Recife, Joana Bezerra, Afogados, Santa Luzia, Werneck, Barro, Tejipió, Cosme e Damião, Camaragibe, Jaboatão, Largo da Paz, Tancredo Neves, Aeroporto, Prazeres, Cajueiro Seco e obviamente, a estação Rodoviária. Dela, se pode pegar ônibus que vão para todas as regiões do Brasil.

Como complemento ao sistema de ônibus, a Grande Recife Consórcio de Transporte também administra o BRT Via Livre, um sistema de BRT que possui duas linhas de ônibus em diferentes partes da cidade e que foram inauguradas em 2014. A primeira é a Norte/Sul, na qual circulam 66 mil usuários por dia e que possui 25 estações construídas. Esta linha une os municípios de Igarassu, Abreu e Lima, Paulista e Olinda com o Centro de Recife. A segunda é a Leste/Oeste, na qual transitam mais de 50 mil usuários diariamente ao longo de suas quinze estações. Uma delas, Camaragibe, é também terminal da Linha Centro 1 do Metrô de Recife.

Conexões com o aeroporto

O terminal aéreo que comporta os voos da cidade Recife é o Aeroporto Internacional de Recife/Guararapes Gilberto Freyre. Está localizado no município de Jaboatão dos Guararapes e é o aeroporto com maior tráfego em toda a região Nordeste. É um aeroporto nacional e internacional e se encontra a 12km da cidade. A conexão com o metrô é prática e simples. Através de uma passarela, o aeroporto se une à estação Aeroporto da Linha Sul, razão pela qual não se faz necessário tomar outro transporte para chegar ao aeródromo.

Horário e frequências

Diferentemente de outros sistemas de transporte, o Metrô de Recife funciona sob rígidos esquemas de horários, que praticamente não variam dentre as linhas. No caso das linhas do Centro 1 e Centro 2 e Sul, o funcionamento vai das 05:00 da manhã até às 11 da noite ininterruptamente. No caso das linhas Centro 1 e Centro 2, a frequência entre cada trem é de 4 e 7 minutos, dependendo da hora do dia. No caso da linha Sul, o intervalado entre os trens é sempre de 8 minutos.

Os horários das linhas VLT não são os mesmos que os do metrô convencional. No caso da linha Cajueiro Seco-Cabo, o primeiro trem sai da estação Cabo às 05:21 da manhã, enquanto que o último sai de Cajueiro Seco às 08:47 da noite. Isto nos dias de semana, de segunda a sexta, pois nos sábados funciona até às 03:15 da tarde. A frequência desta linha é relativamente baixa, pois começa sendo de aproximadamente entre uma hora e depois passa a ser de entre cinquenta e quarenta minutos no restante do dia.

Também há a linha Curado–Cajueiro Seco, que inicia suas operações às 05:49 da manhã na estação Cajueiro Seco. O último trem sai de Curado às 8:31 da noite. No caso dos sábados, o último trem também sai da estação às 02:13 da tarde. Quanto à frequência do Metrô de Recife, é de quase duas horas entre a saída de cada trem, reduzindo um pouco em horas próximas ao meio dia e para logo voltar a aumentar o intervalo entre os trens.

Tarifas, tickets e cartões

O sistema tarifário do Metrô de Recife é bastante simples. Os usuários têm a possibilidade de utilizar o serviço por meio da compra de uma passagem simples, que te permitirá viajar por todo o sistema sem limite de tempo ou distância. O custo dessa passagem é R$ 1.60 reais (0.46 US$). Contudo, existe a possiblidade de combinar suas viagens no metrô com trajetos de ônibus, de modo que se pode comprar bilhetes integrados.

Todos os usuários dos transportes de Recife têm duas opções disponíveis para a compra de bilhetes integrados. Ambas se distinguem de acordo com a distância que será percorrida. No caso de bilhetes correspondentes às estações compreendidas no anel A, a passagem terá um valor de R$ 2.15 reais (0.56 US$). Além dessa tarifa, também existe a passagem correspondente ao anel B, que tem um custo de R$ 3.25 reais (0.85 US$).

Futuras expansões

O Metrô de Recife tem focado principalmente na modernização de suas instalações e na reconversão dos sistemas já existentes, como o que aconteceu com as duas linhas de VLT. Contudo, existem projetos de expansão. Especificamente, existe um projeto de ampliação de 11km, conectando com VLT de diferentes localidades do município de Ipojuca. Isso indica que a expansão visa principalmente o desenvolvimento de novas linhas do metrô ligeiro VLT, em diferentes áreas da cidade e que elas se conectem com as três linhas já existentes do metrô.

Dicas

Em muitos sistemas de transporte é sempre recomendável levar em conta algumas dicas básicas para fazer com a viagem seja uma experiência o mais agradável possível. Quanto ao Metrô de Recife, algumas dicas básicas para embarcar são:

  • Deve-se ter atenção ao comprar uma passagem que inclua os ônibus, pois a área tarifária deve corresponder com o destino final.
  • É recomendável memorizar os horários dos VLT, para evitar surpresas inesperadas, principalmente aos sábados.
  • Se você vai pegar o metrô ao sair do aeroporto, recomenda-se não viajar com muito volume.

Curiosidades

Todos os meios de transporte possuem peculiaridades que acabam sendo particularmente interessantes para muitos dos que viajam neles frequentemente. O Metrô de Recife não é uma exceção e alguns de seus dados curiosos são:

  • Devido à alta taxa de analfabetismo na região, que no ano de 2000 passava de 10.55%, o Metrô de Recife criou um sistema de pictogramas que identificam cada uma das estações. Dessa forma, os que não sabem ler nem escrever podem identificar seus destinos.
  • Foi o terceiro sistema de metrô do Brasil, depois de São Paulo e Rio de Janeiro.
  • É um sistema que adaptou uma linha à diesel, reconvertendo-a em duas linhas de metrô superficial ou ligeiro.

Atrações para conhecer utilizando o Metrô de Recife

Recife, por ser uma cidade costeira e cheia de corpos aquáticos, tem se tornado um dos destinos turísticos mais atrativos de todo Brasil. As ilhas, ilhotes e similares se tornam cada vez mais importantes atrações da cidade. Além disso, Recife conta com uma rica história que pode ser vislumbrada em cada canto do centro histórico da cidade. O poderio econômico sobre a região Nordeste também se elucida nas estruturas arquitetônicas financeiras. Alguns dos lugares que podem ser conhecidos através do Metrô de Recife são:

Museu da Cidade de Recife - Forte das cinco pontas: A algumas quadras ao sul da estação Recife encontra-se este museu, instalado no Forte de São Tiago das Cinco Pontas. É uma construção de pedra portuguesa que se extende ao antigo forte neerlandês. O museu é o principal centro de material histórico da cidade, albergando constantemente exposições e eventos sobre o passado de Recife.

Parque Histórico Nacional dos Guararapes: No município de Jaboatão dos Guararapes se encontra este parque de 3.6km quadrados. No parque está situado o Morro dos Guararapes, uma elevação que foi centro da batalha dos Gurararapes, que selou a expulsão dos neerlandeses do lugar. Para chegar a ele, basta pegar um trem na estação Porta Larga, ou na mais próxima, Monte dos Guararapes.

Museu Cais do Sertão: Próximo à estação de Recife se encontra um dos museus de mais recentes, tendo sido inaugurado em 2014. É um museu temático, dedicado à região do Sertão, uma região semidesértica localizada no interior do Nordeste, que possui tradições musicais e sociais bem enraizadas. O museu foca mais especificamente na figura de Luiz Gonzaga, um músico que foi dos mais disseminadores do gênero musical “baião”.

Mapa do metro de Recife

Mapa do metro de Recife Alta resolução
Ver mapa em tamanho maior. Às vezes, pode levar algum tempo para carregar..

Mapa do metro de Recife

  • Passageiros/dia 210000
  • Taxas:
  • Operação 24 horas: No
  • Ar condicionado: No
  • Têm de andar entre os trens: No
  • Trens sem condutor: No
  • Screen Doors-Platformn: No
  • Velocidade máxima: 50km/h
  • Operador: Superintendência de Trens Urbanos de Recife
  •  R $ 2.45
  • Recife Metrô Site Oficial

Ajude-nos!

Se você acha que a informação que nós publicamos está errada, pouco precisa, ultrapassada, ou se alguma tradução está incorreta, e quer nos ajudar a melhorar as informações... entre em contato conosco aqui: .

Sinta-se a vontade também para entrar em contato conosco caso você não encontre o sistema que está buscando, e nós o incluiremos o quanto antes possível!

Muito obrigado!

** CREDITS!!